13 3877-7855 / 11 5054-0401 / Whatsapp: 013 99755 3993

Entre os problemas de simetria que ocorrem por causa do crescimento inadequado dos ossos da face, o sorriso gengival é uma das mais conhecidas. Ela se apresenta como uma exposição exagerada da gengiva quando a pessoa sorri, e costuma acontecer mais em mulheres do que em homens.

 

Podemos considerar um sorriso como gengival quando mais de 4 milímetros da gengiva ficam expostos. Essa condição pode ser resultado de vários problemas, como lábios pequenos, hipertrofia gengival e coroa dos dentes curta, mas o crescimento ósseo é a causa mais comum.

 

O sorriso gengival, apesar de não causar nenhum problema de saúde físico, pode causar desconforto, problemas de autoestima e distúrbios sociais. Quem passa por esse problema pode ficar com vergonha de conversar com outras pessoas ou sorrir em público.

 

No texto de hoje, vamos falar um pouco mais sobre essa condição e explicar como o sorriso gengival pode ser corrigido com cirurgia ortognática.

 

O que causa o sorriso gengival?

 

Ainda que o sorriso gengival possa ser causado por muitos fatores – lábios pequenos, hipertrofia gengival etc. –, o motivo mais comum é o crescimento vertical exagerado do osso maxilar. Com o osso maior do que o normal, a gengiva fica deslocada e aparece quando o indivíduo sorri.

 

Quando esse é o caso, a melhor solução para corrigir o problema é a cirurgia ortognática.

 

O que é a cirurgia ortognática?

 

A cirurgia ortognática é um procedimento que reposiciona os ossos da face para deixar o rosto do paciente mais simétrico. Nesse procedimento, que acontece majoritariamente na parte interna da boca, o cirurgião faz as incisões necessárias e, então, reposiciona a mandíbula, o maxilar e outros músculos e ossos que façam a diferença na expressão do paciente.

 

A cirurgia costuma durar de 2 a 4 horas e é feita em ambiente hospitalar, com anestesia geral. No caso do sorriso gengival, o médico serra o excesso do osso maxilar e o reposiciona de modo que a gengiva não apareça quando o paciente sorri.

 

Além do sorriso gengival, a cirurgia ortognática também ajuda a corrigir outros problemas causados pelo crescimento excessivo ou inadequado de ossos da face, como a assimetria facial, a mordida cruzada e a mordida aberta anterior.

 

Quais são os cuidados necessários nessa cirurgia?

 

Os cuidados pré e pós-cirúrgicos da cirurgia ortognática são muito importantes para garantir um resultado final de qualidade.

 

Entre os cuidados pós-operatórios mais importantes está o uso de medicamentos, na dose e nos horários indicados pelo médico, para evitar inflamações e diminuir o desconforto do paciente. Além disso, comparecer às consultas para garantir que o osso está cicatrizando da maneira correta é essencial.

 

Por algum tempo após a cirurgia, será necessário usar o aparelho ortodôntico para garantir que a dentição continuará adequada. Ainda que possa ser desconfortável no início, o paciente se acostuma depois de algum tempo. O aparelho deve ser usado até a liberação médica.

 

Quanto aos cuidados pré-cirúrgicos, fazer os exames necessários antes da cirurgia é o mais importante. Esses exames garantem que o paciente está em condições de passar pelo procedimento cirúrgico sem que sua saúde seja comprometida.

 

Além disso, há um cuidado que pode fazer toda a diferença no procedimento e nos resultados finais: a escolha do profissional certo. A cirurgia ortognática só pode ser realizada por dentistas especializados em cirurgia buco-maxilo-facial.

 

Os pacientes que tiverem interesse nesse tipo de cirurgia podem entrar no site do Conselho Regional de Odontologia de suas regiões para procurar um profissional que tenha essa especialização.

 

Essa busca é muito importante para garantir o sucesso do procedimento,não hesite em conversar com diversos profissionais, pedir indicações, conversar com pessoas que fizeram a cirurgia e pedir para que os dentistas comprovem suas especializações. Afinal, é sua saúde que está em jogo.

 

Ainda que muitas pessoas tenham receio de fazer uma intervenção cirúrgica em questões majoritariamente estéticas, como o sorriso gengival, podemos garantir que a cirurgia ortognática traz resultados definitivos, que podem melhorar sua autoestima, sua vida social e sua autoimagem. Nesse sentido, o sorriso gengival pode ser corrigido com cirurgia ortognática e melhorar a qualidade de vida do paciente. Investir em sua saúde mental é tão importante quanto investir na saúde física!

 

Quer saber se você precisa de uma cirurgia ortognática? Baixe agora o e-book “Cirurgia Ortognática: identifique se você precisa desse procedimento“!